Blog

  • 07
  • SET
  • 2011

O que é Taxidermia?

 

A palavra Taxidermia deriva do grego:

Táxis, forma ou organização / Derma, pele.

A Taxidermia é uma técnica em que seu primeiros registros foi presenciada com os homens das cavernas, que utilizavam peles de animais para rituais de caça, sendo essas curtidas sobre lama ou pedras. Os egípcios também utilizavam a taxidermia para a conservação de corpos, as chamadas múmias.

No século XX, a Taxidermia tomou novos rumos, pessoas com conhecimentos anatômicos puderam desenvolver novas técnicas, com utilização de manequins artisticamente perfeitos, dando uma melhor aparência aos animais taxidermizados e com isso melhorando a aceitação destes animais na sociedade.

O seu principal objetivo é a montagem ou reconstituição das características morfológicas dos animais vertebrados. Hoje as peças taxidermizadas estão expostas em locais como escolas, museu e entre várias instituições de ensino, afim de aprimorar os conhecimentos das diversas áreas de estudos, como a biologia, anatomia comparada, ecologia e entre outras. Tendo como resultado final a preservação do sistema tegumentar do animal sem danificá-los, como é o caso dos pelos, das escamas e das penas. Assim, toda sua estrutura vai ser montada e conservada, se aproximando cada vez mais do comportamento, da expressão e conformidade natural do animal.

Dentre as técnicas de taxidermia, temos:

  • Taxidermia Científica, destina-se a estudos e coleções científicas, usadas por pesquisadores, nesta técnica não existe preocupação com a reprodução da posição e expressão do animal, mas sim com a conservação da pele e crânio para identificação da espécie.
  • Taxidermia Artística, técnica destinada à preparação de exemplares para exposição, levando-se em conta a aparência natural do animal, suas expressões e anatomia natural como: tamanho, postura e musculatura.
  • Taxidermia Curtume, destinado ao curtimento de peles de animais para fins decorativos ou comerciais, fabricação de tapetes, bolsas, sapatos, etc.

Popularmente o termo "empalhar” já foi usado como sinônimo de “taxidermizar” entretanto há muito tempo não se usam mais este termo.

 

A taxidermia não é ciência, mas um meio técnico para ajudar à ciência.